sexta-feira, 26 de maio de 2017

VIVA A JEGUE GATE!

Antonio Nunes de Souza*

Enquanto espera a decisão final com relação a sua oficialização como prefeito, Fernando Gome não brinca em serviço e, sem dar satisfações as críticas do povo e as sugestões do Ministério público, vai mandando brasa fazendo carnaval, nomeando parentes, isolando os camelôs das avenidas centrais, trabalhando pouco em alguns muitos problemas básicos, prometendo inaugurar o shopping dos camelôs, e agora, para fechar com chave de ouro, prometeu inaugurar uma ponte/passarela do bairro da Conceição para o centro da cidade, usando como base de sustentação nossa querida e centenária ILHA DO JEGUE!
Será, logicamente, conhecida por todos como a maravilhosa JEGUE GATE, ou seja, nossa espetacular “Golden Gate Tupiniquim!”

Pela quinta vez estamos vendo o Sr. Fernando Gomes, atropelar e, com seu estilo nada gentil e muito arrogante, usando da sua prepotência peculiar, peitar tudo e todos, procedendo da maneira que ele acha que deve ser!

Esperamos que dessa feita, entre “tapas e beijos” ele nos oferte com uma administração honesta, clara e bem evidente, efetuando obras marcantes e necessárias, fechando seu ciclo político deixando nossa cidade, numa situação privilegiada, como nunca esteve, desde a administração de José Oduque Teixeira e uma razoável de Ubaldo Dantas!

Vale apena sugerir que a estrutura seja bastante sólida, pois, somente com a festa de inauguração, com tantos políticos e puxa sacos, com seus corpos avantajados e os pesos das consciências, não vá abalar a JEGUE GATE, fazendo com todos do evento, tomem um banho no pútrido Rio Cachoeira, infestado de baronesas, ratos, mosquitos e algumas resistentes Garças!

*Escritor-Membro da Academia Grapiúna de Letras-AGRAL-antoniodaagral26@hotmail.com-antoniomanteiga.blogspot.com

MEU QUERIDO RIO!

                       Antonio Nunes de Souza*

Como ele era tão caudaloso
Hoje olho muito curioso
Sua triste transformação.
Transformou-se bem decadente
Nem parece aquela linda vertente
Orgulho de uma região!

Enfeitava nossa amada Itabuna
Como se fosse uma grande laguna
Uma paisagem inesquecível.
Hoje um filete imundo
Nem um pouquinho profundo
Que pior seria impossível!

Pobre do meu rio Cachoeira
Virou uma triste besteira
Com baronesas, pacas e garças.
Todos nós somos culpados
Sempre fomos descuidados
Transformando o mundo em desgraças!

*Escritor-Membro da Academia Grapiúna de Letras-AGRAL-antoniodaagral26@hotmail.com-antoniomanteiga.blogspot.com

terça-feira, 23 de maio de 2017

QUEM SERIAM OS CANDIDATOS?

Antonio Nunes de Souza*

Mediante o cenário horripilante na política nacional, onde quase 100% pede a renúncia do presidente da república e do senado, os substitutos eventuais, perante a lei, são, na maioria, suspeitos, ou indiciados, temos que, mesmo debochadamente, imaginar uma nova vertente de candidatos, oriundos dos esportes, áreas artísticas, ou até escolhas esdrúxulas e bisonhas, desde quando tenhamos que afastar esse nefasto grupo de canalhas que detém os poderes nas câmaras, senado, presidência, governos, prefeituras e, logicamente, o grande cordão de pilantras dos segundos, terceiros e quartos graus!

Para quebrar esse cenário abominável, aproveitei a minha imaginação, para sugerir duplas das mais diferentes vertentes, pessoas que foram nossos grandes ídolos, outros que se tornaram ídolos, por deboche, ou reconhecimentos. Enfim, umas novas clãs que, podem ou não, nesse instante de sofrimento, representar a nova e honesta solução!

Para que os senhores tomem conhecimentos das duplas que, talvez fossem os candidatos ideais, podemos citar Silvio Santos e Raul Gil, Oscar mão Santa e Hortência, Pelé e Zico, Romário e Bebeto, Carlos Alberto Nóbrega e Tiririca, Caetano e Gil, Bethânia e Gal, Fitipaldi e Nelson Piquet, Jô Soares e Bial, Ronaldo Fenômeno e Vampeta, Éder Jofre e Popó, Rubinho Barriquelo e Felipe Massa, etc., tendo ainda uma série de outras duplas que fizeram, ou fazem sucesso em seus projetos atualmente que, não tendo famas de corruptos, poderão se prestar ao papel de socorro nesse triste momento!

Logicamente, essa nossa sugestão não é algo de grande seriedade, mas, também, não trata-se de um deboche ridículo, simplesmente é para alertar o povo para que, como sempre faz, não tornar a votar nos mesmos, dando continuidade as vergonhosas falcatruas!

*Escritor-Membro da Academia Grapiúna de Letras-AGRAL-antoniodaagral26@hotmail.com-antoniomanteiga.blogspot.com